A paisagem de Vila Velha e seu significado para a Teoria dos Refúgios

Pedro Hauck, Everton Passos

RESUMO

Este trabalho visa reconstruir a paisagem durante o Pleistoceno Terminal da área do Parque Estadual de Vila Velha, uma das mais importantes unidades de conservação do Paraná, que preserva atualmente um mostruário de ecossistemas típicos dos planaltos meridionais, seja de campos, quanto de florestas subtropicais, assim como também diversos indivíduos tidos como que pertencem genéticamente ao domínio dos cerrados. Muito mais do que diagnosticar e classificar o tipo de paisagem existente no presente e no passado na região de Vila Velha, esta pesquisa se esforça em contribuir com os conhecimentos sobre a evolução do Domínio Morfoclimático dos Planaltos das Araucárias, analisado dados paleopalinógicos e propondo hipóteses sobre as origens das paisagens dos planaltos do Sul do Brasil.

Palavras-chave: Evolução da paisagem; Teoria dos Refúgios; Vila Velha; Domínio dos Planaltos das Araucárias.

Veja o texto completo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: