Corpo e gênero entre os escaladores do Paraná

Roberto Lima 

RESUMO

Este artigo pretende uma etnografia das construções de gêneros que se dão entre os montanhistas do Paraná que se reúnem na Serra do Mar. Isto é feito através da atividade escalada, pensada como simbólica da masculinidade, cuja projeção nos praticantes afirma uma contrução mais ou menos homogênea do gênero masculino e cinde o feminino em dois. 

Palavras-chave: escalada, gênero

Ver o texto completo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: