Caracterização da trilha e o impacto do montanhismo nos picos Camapuã e Tucum – Campina Grande do Sul – PR

Yury Vashchenko

RESUMO:

O objetivo deste trabalho foi caracterizar e avaliar as condições, bem como propor alternativas que possam promover o uso sustentável de uma trilha localizada nos picos Camapuã e Tucum, município de Campina Grande do Sul, PR. Na área de abrangência dos picos realizou-se o levantamento da geologia, geomorfologia, clima, declividade, solos, vegetação e fragilidade ambiental. A trilha foi mapeada utilizando um GPS, sendo esta dividida em quatro trechos. Em cada trecho avaliou-se a declividade, profundidade, largura e extensão da trilha, bem como o tipo de cobertura do solo, a formação de degraus e sulcos e a exposição do solo, raízes e rocha. Determinou-se também a densidade aparente e a porosidade total dentro e fora da trilha. A intensidade de erosão na trilha foi calculada considerando os fatores profundidade do leito e formação de degraus ou sulcos. A intensidade de uso foi avaliada através de amostragem com determinação do número de passagem de visitantes em cada trecho da trilha. A geologia, o relevo e o clima definiram os solos da área de estudo, sendo estes pouco desenvolvidos, rasos e com alto teor de matéria orgânica.

Disponível em Domínio Público

Palavras-chave: trilhas; análise ambiental

clique em

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: